Ir para conteúdo




Foto

Trazendo equipamento e declarando na alfândega


  • Por favor, faça o login para responder
108 respostas neste tópico

#41 Leonardo SK

Leonardo SK

    Já conheço o pessoal

  • Membro +
  • PipPipPip
  • 68 posts

Postado 01 setembro 2012 - 06:13

Jean Paul, bom dia.

Estou pretendendo comprar a D800 + Tamron 18-270 (FF) + Nikkor 50mm (FF) em Paris.
Os preços no site da FNAC e/ou da OBJECTIF BASTILLE estão bem razoáveis, em relação a "B&H New York".
Você comprou a sua D4 em qual loja?

(Observação em relação ao post anterior: Se eu comprar estas "muambas", lógico que virão "penduradas em outro pescoço").
Procurando lentes manuais Nikkor Fisheye + GA + Reflex.

#42 VanBasten

VanBasten

    Cheguei agora

  • Membro
  • Pip
  • 6 posts

Postado 02 setembro 2012 - 07:52

A Polícia Federal não aceita mais aquela declaração impressa.

Que declaração impressa seria?

#43 Leonardo SK

Leonardo SK

    Já conheço o pessoal

  • Membro +
  • PipPipPip
  • 68 posts

Postado 02 setembro 2012 - 09:16

Que declaração impressa seria?



Aquele formulário de mais ou menos 10x20cm que ficava no balcão da Polícia Federal e que era utilizado para comprovar os bens importados que transportávamos para o exterior.
Da última vez que viajei (março/11), baixei o impresso pelo site da PF e tive o trabalho de preencher utilizando o software FOXIT READER.
Quando cheguei no aeroporto (GIG) e tentei entregar, fui informado que não era mais necessário.
Fiquei apreensivo, pois estava transportando câmera, filmadora, notebook e GPS.
Procurando lentes manuais Nikkor Fisheye + GA + Reflex.

#44 aguiar

aguiar

    Já tou começando a responder

  • Membro +
  • PipPipPipPipPipPipPip
  • 686 posts

Postado 02 setembro 2012 - 12:18

Bom, posso compartilhar a experiência vivida neste final de semana (26/08/2012), aqui na divisa do MS com o PY:

26 de agosto é aniversário da minha cidade morena, portanto, vcs devem imaginar o quanto de promoções os paraguaios fazem para chamar a atençao dos brasileiros, para compras de importados, rs... (qualquer feriadinho que tenha, e uma semana antes já começa propaganda do shopping china e altavista nos encartes de jornais diários)

Pois bem, aproveitando um aniversário de uma sobrinha, no sábado, fui pra lá com o intuito de comprar um corpo barato, em substituição da minha D90 vendida a poucos dias.

Chegando lá, optei pela Nikon D5100, comprada no Shopping China por 1498 Reais, sendo a cotaçao do dolar a 2,15.

Saí de lá no domingo de tarde, por volta das 15 horas e, como sempre, optei por voltar por uma estrada secundário, vindo pela cidade de Maracaju, onde não há tanto tráfego, o asfalto é mais novo (pelo menos até o copo sujo, rs...) e o transito, mais fluido.

Mas então, num entroncamento onde a estrada se divide em Y, sendo o lado esquerdo para Antonio Joao, e a pista para direita, para maracaju (meu destino) uma enorme fila de carros prenunciava o tão temido arrastão da Receita. Queriam o que? feriado na capital, o comércio da fronteira fazendo promoção a torto e a direito nos jornais e televisão da capital...

Uma picape pequena (ufa...) indicava que o arrastão não era tão arrastão assim (já passei por ali em situações que haviam 2 ou 3 caminhoes lotados de mercadorias apreendidas). Os fiscais estavam sendo bem rápidos para liberar a fila: Abriam as portas dos passageiros traseiros, davam uma olhada no meio das pernas da mulekada, e pediam para abrir o porta malas. Quando fui descendo do carro, ouvi minha esposa resmungado bem baixinho: "quero só ver nego perdendo 1500 reais".

É, por mais que eu seja o homem da casa, o motorista da viagem, onde toda a confiança da familia deve ser depositada, ela não acreditou nem um pouco quando eu disse que nao precisava mais desmontar caixa de maquina, esconder manuais e o resto nas malas, como quando, 2 anos atras, comprei a D90.

Pois bem, abri a porta traseira, o cara deu uma olhada nas bugigangas dentro das sacolas e perguntou: "tá levando muita coisa não, né?" respondi que não, mostrei uns poucos brinquedos para minha filha, 2 garrafas de Concha & Toro, uma de Red e a caixa da D5100 (confesso que dei aquela geladinha por dentro nesta hora...)

O danado puxou um pouco a sacola, observou por 2 ou 3 segundos a foto da maquina estampada na caixa e perguntou: "fotógrafo profissional?" respondi que não, que era apenas hobbie mesmo, e ele empurrou de volta, ja colocou a mão na tampa do porta malas como que querendo fechar e despediu: "tudo bem, pode continuar a viagem, cuidado com a estrada, neste feriado tá meio movimentado, vai em paz".

E voltei pro banco do motorista com aquele sorriso vitorioso de: "não falei?" kkkk....

E é isso ai: UMA maquina, com lente, PODE SIM. E uma para cada ocupante do veículo? Não sei...
(se bem que me falaram que é possivel registrar compras até em nome de recem-nascidos, desde que possuam cpf, mas não sei se é verídico...)




Esta possibilidade de trazer uma DSLR + lente não se aplica sómente a viagens aéreas?

#45 VanBasten

VanBasten

    Cheguei agora

  • Membro
  • Pip
  • 6 posts

Postado 02 setembro 2012 - 06:26

Aquele formulário de mais ou menos 10x20cm que ficava no balcão da Polícia Federal e que era utilizado para comprovar os bens importados que transportávamos para o exterior.
Da última vez que viajei (março/11), baixei o impresso pelo site da PF e tive o trabalho de preencher utilizando o software FOXIT READER.
Quando cheguei no aeroporto (GIG) e tentei entregar, fui informado que não era mais necessário.
Fiquei apreensivo, pois estava transportando câmera, filmadora, notebook e GPS.

Ah, tá. A declaração de posse dos equipamentos que era feita antes de embarcar. Entendi.

#46 VanBasten

VanBasten

    Cheguei agora

  • Membro
  • Pip
  • 6 posts

Postado 02 setembro 2012 - 06:28

Esta possibilidade de trazer uma DSLR + lente não se aplica sómente a viagens aéreas?

Não. É válida para qualquer viagem ao exterior, por qualquer via.

#47 aguiar

aguiar

    Já tou começando a responder

  • Membro +
  • PipPipPipPipPipPipPip
  • 686 posts

Postado 02 setembro 2012 - 07:39

Não. É válida para qualquer viagem ao exterior, por qualquer via.




Eu agradeço sua resposta, muito "cruel" para mim.
Vou acabar indo a Foz do Iguaçu, Ciudad del Est, e comprar umas tralhas para mim.
Pior que dim dim que é bom, só em pensamento...
Valeu pelo esclarecimento, vou dar um lucrinho para o banco... :no: :doh:
[]s.
Aguiar

#48 Ivan Lee

Ivan Lee

    Manda qq uma que eu respondo

  • Membro +
  • PipPipPipPipPipPipPipPipPip
  • 2.917 posts

Postado 13 setembro 2012 - 10:40

Fala galera... a duvida que eu sempre tive nunca foi comentada em lugar algum!

Todo mundo fala aqui que tudo depende da "interpretação do fiscal" ou do "humor do fiscal", mas digamos que vc esteja certo e o fiscal implica com vc, querendo taxar o produto ou apreender. Alguem alguma vez já bateu de frente com algum fiscal? dizendo que ele está errado e que em maneira alguma vai pagar pelo imposto ou deixar o produto ser apreendido?

é certo que a "receita federal" está lá em cima na "hierarquia de poder", não podemos simplesmente chamar a polícia rs, sei lá, sei que parece estranho, mas alguem aqui já bateu de frente? tem alguem pra recorrer neste caso? se tiver, quem?
[b]Meu portfolio na Deviant ---> http://ivanlee.deviantart.com

#49 igorschutz

igorschutz

    Sou completamente Louco pelo Brfoto

  • Membro +
  • PipPipPipPipPipPipPipPipPipPip
  • 3.088 posts

Postado 13 setembro 2012 - 02:07

Sim, há a possibilidade de recurso administrativo junto à Receita Federal, onde você pode fazer todo tipo de prova admitidas no Direito.

Se seu recurso for indeferido, ainda há a possibilidade de você buscar a tutela jurisdicional, ou seja, ajuizar uma ação no Poder Judiciário.
Opinião é como bunda: todos têm a sua. Você dá se quiser.

http://www.flickr.co...tos/igorschutz/


#50 André Jardim

André Jardim

    Caramba, daqui a pouco enjoam de mim

  • Membro +
  • PipPipPipPipPip
  • 296 posts

Postado 13 setembro 2012 - 03:55

e simples
voce pode sair e voltar com apenas 1 camera + 1 lente

se vc sair sem camera? otimo compre uma camera nova, lente nova, use-a e pronto pode voltar.

saiu com uma camera e 1 lente? blz, vc vai sair com ela, E VOLTAR APENAS COM ELAS, se voltar com mais de 1 camera ou mais de 1 lente, voce PODE ser taxado, depende do humor.

para eles é assim, eles entendem que uma pessoa PODE tirar foto de qualquer lugar do mundo, mas vc so precisda de UMA camera e 1 lente (usadas).

se na volta vc volta com 1 camera e 1 lente NA CAIXA (ou a caixa ali perto, sim, e melhor jogar caixa fora ou deixar fora da vista), a chance de eles encherem seu saco aumenta

basicamente e isso

exemplo do nosso amigo aguiar, ele estava COM A CAIXA ALI, poderia ser mais chato essa situacao, mas se ele nao tivesse com a caixa ali, e a camera+lente usadas, o cara nao poderia falar nada, vc fala que veio com essa camera e esta voltando com ela, simples.

mas claro com sinais que ja foi usada, com cartao ali, lente e sem caixas, nesse molde a chance de te encherem e quase 0

#51 dmachado

dmachado

    Estou viciado nisso aqui

  • Membro +
  • PipPipPipPipPipPipPipPip
  • 1.861 posts

Postado 18 setembro 2012 - 10:10

Voltei de Ny esse mês com 7 mil dolares em equipamento, e como esta declarando os eletrônicos ( não os fotograficos ), o fiscal nem passou minhas bagagens no raio x. Por isso não tive nenhum problema. É isso que sempre faço e dá certo.
Declaro um pouquinho e eles ficam felizes da vida.....
abs

dmachado
www.mcaestudio.com.br

denilsonmachadomca@gmail.com


#52 Aviasom

Aviasom

    Já tou começando a responder

  • Membro +
  • PipPipPipPipPipPipPip
  • 858 posts

Postado 30 setembro 2012 - 05:06

Cheguei de Madri as 06:40 de hoje, na saida tinha, alem de um cartaz dizendo sobre as reinvindicacoes dos funcionários da receita federal, apenas um único funcionário (que nem da Receita parecia ser) as portas estavam liberadas, podia passar qualquer coisa, pena que isto nao seja uma constante rsrsrrsrsrsrsr

#53 Daniel 101%

Daniel 101%

    Um dia eu posto mais do que o admin

  • Membro +
  • PipPipPipPip
  • 188 posts

Postado 06 outubro 2012 - 09:44

Eu viajo sempre, trago bastante coisa e até agora nunca fui parado. Quando me pararam nem olharam para a máquina que havia comprado no dia Canon 5D MKII com 5 lentes e 3 carregadores.

#54 murilloalanis

murilloalanis

    Um dia eu posto mais do que o admin

  • Membro +
  • PipPipPipPip
  • 101 posts

Postado 24 outubro 2012 - 10:29

alguem sabe mais sobre esse processo de fazer uma declaraçao registrada em cartório da posse dos bens?

#55 fabio mesquita

fabio mesquita

    Cheguei agora

  • Membro
  • Pip
  • 7 posts

Postado 25 outubro 2012 - 04:04

não sei quanto a "nacionalizar", mas sei q vc não precisa declarar, se te pararem e vc provar q a camera foi usada na viagem, mesmo q tendo sida comprada na propria viagem, ela é isenta de imposto, mesmo que vc não tenha declarado!

Comprei uma canon t3i este ano numa viagem e ela deu pau em 1 mes de uso, a canon do Brasil aceita garantia de cameras até compradas fora do Brasil. é por um periodo menor, mas aceitam! se não em engano são 3 meses!

mandei e eles me retornaram com ela novinha em folha, não gastei nem com correio!

serviço da Canon é otimo!!!

#56 murilloalanis

murilloalanis

    Um dia eu posto mais do que o admin

  • Membro +
  • PipPipPipPip
  • 101 posts

Postado 25 outubro 2012 - 04:09

mas no caso por exemplo, eu tenho o corpo + 3 lentes, filtros etc

nao tenho mais a NF dos meus equipamentos que alguns inclusive (o corpo) estao descontinuados

como faço se eu quiser viajar e levar o meu equipamento? sera que rola esse lance de fazer uma declaraçao de posse de bens registrada em cartorio? tecnicamente vc esta provando de uma forma legal que ja possuia o equipamento em territorio nacional antes de viajar. agora a pergunta é, sera que aceitam? e a segunda pergunta sera que consegue registar alguma coisa assim se nao tiver mais a NF?

#57 angelicakm

angelicakm

    Cheguei agora

  • Membro
  • Pip
  • 2 posts

Postado 05 novembro 2012 - 10:37

E se prepare para pagar imposto alto, se declarar, fica algo entre 60% a 110% do valor da câmera, dependendo do tipo de produto/acessório....

#58 Leonardo SK

Leonardo SK

    Já conheço o pessoal

  • Membro +
  • PipPipPip
  • 68 posts

Postado 12 novembro 2012 - 10:29

mas no caso por exemplo, eu tenho o corpo + 3 lentes, filtros etc

nao tenho mais a NF dos meus equipamentos que alguns inclusive (o corpo) estao descontinuados

como faço se eu quiser viajar e levar o meu equipamento? sera que rola esse lance de fazer uma declaraçao de posse de bens registrada em cartorio? tecnicamente vc esta provando de uma forma legal que ja possuia o equipamento em territorio nacional antes de viajar. agora a pergunta é, sera que aceitam? e a segunda pergunta sera que consegue registar alguma coisa assim se nao tiver mais a NF?


Murillo, boa noite.

Apesar de ter acabado de fechar um "Seguro Território Internacional" que, teoricamente, serviria de prova de que já possuia os equipamentos, vou fazer uma declaração em cartório com firma reconhecida, pois levaremos (eu e mais quatro familiares) duas câmeras, quatro lentes, um flash, além de baterias, pilhas recarregáveis, carregadores de bateria/pilha, iPad, Netbook, Filmadora e GPS.

Sobre a "parte legal", a seguradora dispensa nota fiscal (basta ter fotos e/ou manual). Quanto à declaração em cartório, conversei com um Delegado Federal sobre minha intenção. Apesar de não ser da Receita Federal, ele achou sensato este "tipo de prova", já que estamos levando muitos bens.

Caso impliquem com a apólice do seguro (só fiz das câmeras + lentes + iPad), apresento a declaração (esta completa, incluindo os demais bens que não estão segurados).
E, nos dois documentos constarão a descrição dos bens (marca e modelo) e, principalmente, os números de série.

Se ainda tivesse aquela "declaração de bens" que era preenchida na Receita Federal do aeroporto (ou pela internet), eu viajaria tranquilo, pois se tratava de um documento formal/padrão da própria RF.
Mas, na falta de um documento formal e reconhecido pela RF, acho melhor exagerar e não arrumar contratempos extras.
Além do mais, o seguro não ficou caro (para R$ 16.000,00 custou R$ 310,00) e a declaração custa apenas "um reconhecimento de firma" (cerca de R$ 6,00 aqui no RJ).
Procurando lentes manuais Nikkor Fisheye + GA + Reflex.

#59 RWP

RWP

    Já tou começando a responder

  • Membro +
  • PipPipPipPipPipPipPip
  • 541 posts

Postado 04 dezembro 2012 - 12:13

Uma vez, voltando dos EUA, pediram para passarmos nossas malas no Raio X, viram as câmeras e pediram para abrirmos a mala (mala de mão, no caso).
Não tínhamos declarado devido ao que lemos da lei nova.
Tínhamos duas câmeras com uma lente em cada, uma minha e uma do meu esposo.
O carinha perguntou se tinha nota, falei que não. Perguntou se a câmera estava usada, falei que sim. Pediu para ver. Mostrei uma foto no LCD, ele mal bateu o olho e já liberou: "pode ir".
Bem tranquilo!
Ele não olhou os acessórios (tinha cartões, leitores, etc).

beijos
.

#60 rodrigo_luiz

rodrigo_luiz

    Já conheço o pessoal

  • Membro +
  • PipPipPip
  • 55 posts

Postado 20 dezembro 2012 - 04:13

E se alguém enviar do exterior ?




2 usuário(s) está(ão) lendo este tópico

0 membro(s), 2 visitante(s) e 0 membros anônimo(s)