Ir para conteúdo




Foto

Trazendo equipamento e declarando na alfândega


  • Por favor, faça o login para responder
108 respostas neste tópico

#101 Leonardo SK

Leonardo SK

    Já conheço o pessoal

  • Membro +
  • PipPipPip
  • 68 posts

Postado 24 abril 2014 - 06:35

Voltei de Foz do Iguaçu no início deste mês.
Passei uma mala média, uma mala pequena, um tripé novo (comprado no Paraguai), um Notebook e a bolsa fotográfica com a Nikon D600 + Lente Nikkor 24-85mm + Lente Sigma 12-24mm + Lente Nikkor 70-300mm + três baterias + oito cartões SD, mais uma Canon G15.
Informei que só tinha cópia das notas fiscais da Canon G15 e do Notebook e não se interessaram mais por estes dois itens.
Da mesma forma, não deram a mínima para os conteúdos das malas e nem para o tripé; somente, solicitaram que eu abrisse as malas para uma vistoria rápida.
Mas, demonstraram grande interesse pelo equipamento fotográfico e solicitaram que abrisse a bolsa.
Os fiscais (muito educados) retiraram a lente 24-85mm da câmera e observaram, atentamente, o desgaste das baionetas. Depois, fizeram o mesmo com as outras duas lentes.
Como a câmera (25.000 cliques) e a lente do kit apresentavam desgaste acentuado nas baionetas, não implicaram. Mas, indagaram sobre a procedência das outras lentes.
Informei que não tinha nota fiscal, mas apresentei a cópia da apólice do seguro e liberaram.
Perguntei se, caso não tivesse nota fiscal ou o documento do seguro, uma declaração autenticada em cartório com data anterior à viagem serviria e a resposta foi afirmativa.
Outro fato que observei é que alguns passageiros que só portavam uma câmera + lente pendurada no pescoço passaram direto.
Procurando lentes manuais Nikkor Fisheye + GA + Reflex.

#102 Paulo Lopes

Paulo Lopes

    Já tou começando a responder

  • Membro +
  • PipPipPipPipPipPipPip
  • 842 posts

Postado 08 maio 2014 - 05:46

Esse lance da declaração é interessante. Deveria valer como regra..
:post:
Canon 6D + Canon 24-105mm f/4 L IS USM + CANON 50mm 1.8 + CANON 70-300mm f/4-5.6 IS USM + TAMRON SP 90MM DI MACRO + Speedlite 550 EX

#103 Alessandro_sp

Alessandro_sp

    Sou completamente Louco pelo Brfoto

  • Admin
  • PipPipPipPipPipPipPipPipPipPip
  • 18.420 posts

Postado 08 maio 2014 - 08:22

Caramba, impressionante. Daqui a pouco vc pode levar a camera em posto fiscal pra tirar o shutter count e avaliar como equipamento usado, pois eles sabem de todos os detalhes e valor de mercado :lol:

Sobre essa declaração em cartório, qual o procedimento pra se fazer, e quais os custos?

#104 Leonardo SK

Leonardo SK

    Já conheço o pessoal

  • Membro +
  • PipPipPip
  • 68 posts

Postado 25 maio 2014 - 06:20

Realmente, os fiscais do aeroporto de Foz do Iguaçu (principalmente a mulher) demonstraram bom conhecimento. Tem que ver a habilidade dela quando tirou a lente da câmera.

Mas, como na viagem anterior (Europa) não deram a mínima, nesta viagem de Foz só levei a apólice do seguro.

Segue o modelo da declaração que fiz (o reconhecimento de firma custou menos de R$ 10,00):

Eu, LEONARDO....., brasileiro, casado, portador da carteira de identidade nº....., expedida pelo...., CFP nº....., Passaporte nº....., residente e domiciliado à....., declaro, para fins de comprovação junto à Receita Federal do Brasil, que estou transportando para o exterior (no período de .../.../.... a .../.../....) os seguintes equipamentos adquiridos no Brasil, listados abaixo:
01 1 (uma) CÂMERA FOTOGRÁFICA MARCA NIKON, MODELO D600, NS:....
02 1 (uma) LENTE MARCA NIKKOR 24-85 MM, NS:.....
03 1 (uma) LENTE MARCA NIKKOR 70-300 MM, NS:.....
04 1 (um) IPAD 3, WI-FI, 64GB BRANCO, NS:......

E assim por diante.

Além de levar o impresso original do documento, levei cópias de tudo em formato PDF (folhetos de garantia, capa dos manuais, etc) e até fotos destes equipamentos junto com outros que tenho.

O motivo de tanta paranoia é que tem como burlar este tipo de documento. Basta ter um contato no exterior, enviar o dinheiro, pedir para este comprar antecipadamente o equipamento desejado, solicitar o número de série por email e inclui-lo na declaração como se estivesse levando-o do Brasil.

Assim, para não estragar o prazer da viagem, prefiro exagerar nas "comprovações".
Procurando lentes manuais Nikkor Fisheye + GA + Reflex.

#105 Guimaraes

Guimaraes

    Estou viciado nisso aqui

  • Membro +
  • PipPipPipPipPipPipPipPip
  • 1.650 posts

Postado 19 junho 2014 - 11:05

... não adianta gente , mesmo escrito o que vale é o bom ou mau humor do agente daquele horario . EStive em Foz do Iguacu , estava com a minha DF e somente uma lente , mostrei para a agente e a desgracada falou que eu so sairia se mostrasse a nota fiscal . No dia seguinte a infeliz estava la no mesmo lugar , se lembrou da minha cara , se lembrou da camera e pediu a porcaria da nota fiscal , mesmo com o cartão cheio de fotos , mesmo eu tendo falado com ela no dia anterior .

... como ela não foi com a minha cara desde o dia anterior comecei a argumentar com ela e nada da infeliz desalmada ceder . Ou eu pagava o imposto da camera ou ficaria sem ela , dito exatamente com essas palavras .

... ai ela disse o seguinte , chega de conversa , ... e eu falei tambem tem razão chega mesmo , e mostrei a NF para ela , a eletronica que a loja me enviou pela manha . Ela engoliu seco , e ai eu disse , como a senhora mesmo falou , não tem conversa e tenha um bom dia .

... prefiro comprar AQUI , pagar o raio do maldito imposto e não me aborrecer , eu sou piloto , velho , chato e ja sem saco de aturar esse monte de guardinhas de segunda que como não podem ter , querem tambem que os outros naõ tenham ....

... POREM sou obrigado a admitir que de 1.000 passagens em alfandegas entrando ou saindo , acredito que somadas não chegam a 10 perturbações .

... a taxa é muito baixa mas ela existe , prefiro pagar e não me aborrecer .

#106 Guimaraes

Guimaraes

    Estou viciado nisso aqui

  • Membro +
  • PipPipPipPipPipPipPipPip
  • 1.650 posts

Postado 19 junho 2014 - 11:14

... na epoca em que se preenchia o formulario de declaração de saida era muito melhor ... mas nada bom dura para sempre .

... certa vez entrando por Guarulhos um fiscal me perguntou ainda na fila , o sr tem material fotografico consigo ... ?
respondi ... sim sr , duas cameras , cinco lentes , dois motores e um flash ... ele espantado perguntou se eu estava gozando
da cara dele . Disse que não pois poderia ser preso porisso , e que tinha apenas respondido a pergunta ... para meu espanto
ele me mandou sair da fila e ir embora direto . Ao meu colega de profissão fez a mesma pergunta , ele disse que não tinha nada
de camera e ai os caras tiraram ate as cuecas do coitado , revistaram ate o forro das malas . O que estava fora da conformidade
os caras não perdoaram . Ha 25 anos atras ele deixou 992 dolares americanos entre impostos e multa .

... a lei existe , mas o que vale mesmo é o humor do fiscal daquele horario .

#107 sisi383

sisi383

    Cheguei agora

  • Membro
  • Pip
  • 4 posts

Postado 17 setembro 2015 - 06:43

Ótima iniciativa!



#108 Henrique Nobre

Henrique Nobre

    Cheguei agora

  • Membro
  • Pip
  • 5 posts

Postado 03 maio 2016 - 05:28

Olá pessoal ! Uma lente usada comprada no exterior e trazida sem o corpo da camera é considerada de uso pessoal? A legislação fala em maquina fotográfica, e é suposto ter uma lente, mas e a lente comprada usada no exterior e trazida sem o corpo da camera? De 2015, época da última postagem pra agora, pode ter mudado algo, então resolvi perguntar pra ter mais opiniões já que, como sabemos, depende muito do humor do fiscal na hora, além de se estar bem enquadrado no que diz a lei para evitar problemas.



#109 Henrique Nobre

Henrique Nobre

    Cheguei agora

  • Membro
  • Pip
  • 5 posts

Postado 03 maio 2016 - 05:41

Esqueci de dizer pra quem não sabe e quer responder, que é proibido trazer equipamento usado exceto os previstos em lei, e material fotográfico não é um deles. Se for comprado fora do Brasil, só pode ser novo e com nota fiscal. No caso da lente usada, minha intenção é, além de comprar de pessoa física mais barato do que em loja, trazer como equipamento pessoal que eu supostamente levei do Brasil e estou voltando com ele. Não tem como um fiscal da receita provar que vc comprou fora do Brasil. Então leiam a minha postagem sobre trazer lente isolada ao invés de esticar conversa sobre os pontos deste tópico. Obrigado.






2 usuário(s) está(ão) lendo este tópico

0 membro(s), 2 visitante(s) e 0 membros anônimo(s)